A propósito do Pe. Leonardo


Queridos irmãos e irmãs:
A propósito do que aconteceu com o Pe. Leonardo que decidiu se unir à FSSPX, desejo aqui fazer um depoimento pessoal como uma exortação para que, apesar de tudo, o seu exemplo não seja seguido.
Li sua entrevista em que ele comenta suas razões. Sem dúvida, há muitas razões… Eu posso dizer, sem perigo de estar mentindo ou de ser presunçoso que passei por tudo aquilo e talvez ainda mais. Só Deus sabe o que temos que sofrer pela Igreja nesses tempos tenebrosos que estamos vivendo!
Entretanto, também digo, e com a certeza absoluta de não estar errando que descobri por experiência própria que Deus não abandonou a sua Igreja!
Nada justifica deixar a comunhão da Igreja Católica! Um Reino dividido não subsistirá, advertiu Nosso Senhor. Que Eles sejam um! Rezou o Salvador no Monte das Oliveiras. Estes Cismas não colaboram senão para sangrar ainda mais as feridas do Corpo Místico de Cristo. Tenho certeza que este Padre vai se decepcionar com a FSSPX, como eu me decepcionei e muito (!), pois eles são muito bons para criticar, mas na hora de ajudar mesmo, são tão hipócritas quanto os piores modernistas! Digo isto porque os conheci bem e também tive estas ilusões!!!  E por acaso não acontecem também escândalos nos meios mais tradicionais? Por acaso ele não sabe dos gravíssimos escândalos que ocorreram em Econe?!
O que devemos fazer então? Oração, penitência e jejum. Eis o que Nossa Senhora nos pediu! Rezai também pelo Santo Padre! Nunca a Igreja passou por uma crise assim, entretanto, existe uma esperança, uma luz no fim do túnel. Feliz aquele que acreditar!
Eu posso dizer que hoje sou muito feliz! Celebro a missa no Rito Tradicional todos os dias e o ofício também. Ninguém vai me tirar isto! Nunca, jamais! Morro mártir mas não deixo de celebrar esta Santa Missa! Entretanto não deixo de estar na comunhão com a Igreja! E não faço nenhuma concessão a nenhuma forma de modernismo, nem de laxismo, nem de campanhas de fraternidade ou coisas parecidas! Somente sou um sacerdote católico e tenho direito de ter todos os recursos de santidade que a Santa Igreja viveu e aprovou!
Não quero com isso me gloriar, pois tudo é graça de Deus, mas quero somente exortar aos seminaristas e aos leigos que não julguem que um exemplo como desse padre deve ser seguido, pois, se eu tivesse um Bispo que se importasse comigo ou que me apoiasse, eu teria muito mais recursos que tenho agora! Entretanto, nunca tive apoio. Minha ordenação foi considerada um engano! Sou rejeitado e desprezado por aquilo que creio, mas ninguém me tira da Igreja! Isso é que me importa! E tenho certeza de que Deus está com aqueles que, rejeitando toda a profanação e secularismo, lutam pela renovação da Igreja de Cristo sem traí-la, nem abandoná-la, sob qualquer pretexto…
Rezemos por eles e permaneçamos firmes nesta barca que certamente nunca vai afundar, pois o Senhor está nela!
Salve Maria!
Fr. Tiago de S. José, Carmelita Eremita

PAPA APROVA 35 NOVAS BEATIFICAÇÕES


Entre elas um grupo de espanhóis martirizados em 1936

CIDADE DO VATICANO, segunda-feira, 4 de abril de 2011 (ZENIT.org) – O Papa Bento XVI aprovou nesse sábado alguns decretos de reconhecimento de milagre, martírio e virtudes heróicas de fiéis católicos, após uma audiência concedida ao prefeito da Congregação para as Causas dos Santos, cardeal Angelo Amato.
Milagres:

Dominica Quarta in Quadragesima



Lætáre, Jerúsalem: et convéntum fácite, omnes qui dilígitis eam: gaudéte cum lætítia, qui in tristítia fuístis: ut exsultétis, et satiémini ab ubéribus consolatiónis vestræ. Ps. 121, 1. Lætátus sum in his, quæ dicta sunt mihi: in domum Dómini íbimus. V/. Glória