Na Basílica de São Pedro: confirmada Missa Tridentina Solene na Peregrinação Summorum Pontificum em outubro

Sob a autoridade do Santo Padre Francisco, a Santa Missa no rito de sempre será novamente celebrada solenemente em Roma.
Fonte da tradução: Missa Tridentina em Brasília
Notícia de: Riposte Catholique
Uma feliz notícia: o Cœtus Internationalis Summorum Pontificum anuncia uma segunda edição da peregrinação à Roma do “povo Summorum Pontificum”, em outubro, e a celebração de uma missa pontifical na Basílica de São Pedro  por ocasião da véspera da festa de Cristo Rei. Veja o comunicado do CISP:
O “povo Summorum Pontificum” de volta à Roma para a conclusão do Ano da Fé
O Cœtus Internationalis Summorum Pontificum (CISP) tem a alegria de anunciar que concluirá o Ano da Fé como começou: por uma peregrinação Ad Petri Sedem.
Depois do sucesso espiritual da peregrinação de 2012, o “povo Summorum Pontificum” se reencontrará em Roma para testemunhar a eterna juventude da liturgia tradicional sobre o Túmulo do Apóstolo. O CISP quer assim participar na harmonia e edificação da Igreja universal, na docilidade à ação do Espírito Santo.
Para responder ao encorajamento a “seguir adelante” – do Cardeal Cañizares Llovera, Prefeito da Congregação para o Culto Divino, na ocasião da peregrinação de novembro – o CISP tinha solicitado, no início deste ano, a disponibilidade da Basílica de São Pedro ao seu Arcipreste, o Cardeal Angelo Comastri. Neste 14 de março, o Cardeal Comastri confirmou a disponibilidade da basílica no sábado 26 de outubro próximo, às 11 horas, para a celebração solene que será o ponto alto da peregrinação.
O Cœtus Internationalis Summorum Pontificum agradece ao Cardeal Comastri pela sua hospitalidade e convida todos os grupos ligados à forma extraordinária do rito romano a se preparar desde já pela oração pela peregrinação e se associar ativamente à sua organização
Cf.

Uma resposta para “Na Basílica de São Pedro: confirmada Missa Tridentina Solene na Peregrinação Summorum Pontificum em outubro”

  1. “Ver para crer” como São Tomé. Deus queira que sim.
    Em nenhuma paróquia de Buenos Aires existe missa em latim. O arcebispo de Roma decidiu assim, quando era arcebispo de Buenos Aires. Estranho porque segundo o documento do Papa Ratzinger de 2007, quando saiu o Mp Summorum Pontificum em 2007, os fieis não precisam que pedir permissão ao bispo mas sim ao pároco, ao padre da igreja.

Os comentários estão desativados.