Chesterton, o intelectual que ante o absurdo do anglicanismo se fez católico

chestertom

Tradução: Airton Vieira

Gilbert Keith Chesterton nunca se convenceu do protestantismo. Buscou a Verdade até encontrá-la na Igreja Católica. Nunca se sentiu à vontade no ambiente protestante de sua juventude. Se rebelou profundamente contra ele, intuindo que ali não estava a verdadeira Igreja de Cristo. Só quem nada contra a correnteza tem a certeza de estar vivo”.

Villar Mir: «O mais importante na vida tem que ser Deus, em seguida a família e depois o trabalho»

villar

Tradução Frei Zaqueu – Juan Miguel Villar Mir tem 85 anos e uma longa trajetória no âmbito educativo, político e empresarial. Com duas cátedras foi vice-presidente de Assuntos Econômicos do primeiro governo após a ditadura e de repente decidiu se lançar ao mundo empresarial comprando empresas em quebra. Assim criou a OHL, na atualidade um dos maiores conglomerados empresariais

SÃO PIO X: “RESPONDO PONTO POR PONTO”

aaaaaaaaaaaaaaaaaaaaaaaaaaaaaaai

[Original italiano: < http://www.sisinono.org/j3/anteprime-2012/52-anno-2014/236-anno-xxxx-n%C2%B020.html >]

Em 14 de outubro de 1911, São Pio X escreveu carta intitulada “Respondo ponto por ponto” [em italiano: “Rispondo punto per punto”, n.d.t.] ao Bispo de Cremona, Dom Geremia Bonomelli [1]. Na passagem dos 80 anos de idade do Bispo, este enviara ao Papa, junto com carta, recente opúsculo [2] sobre três senadores italianos, a saber, Thaon di Revel, Tancredi Canonico e Antonio Fogazzaro, este já condenado por modernismo pelo próprio São Pio X.

Arcebispo de Maringá critica documento da CNBB por não fazer referência à corrupção

a04ea6c2a3

 

Caríssimos,

Salve Maria

Se a CNBB não se posicionar, de forma clara e sem apadrinhamentos, sobre a grave situação política do Brasil, estará cometendo um grande erro histórico imperdoável. Se nos lembrarmos da atuação da CNBB em falas e em documentos, pronunciamentos na década de 80, é por demais estranho o seu silencio na conjuntura hodierna. Onde  se encontram as chamadas “vozes proféticas”?

O CONSELHO DE D. HELDER A PAULO VI, SEU AMIGO

pauloVIeDHC

No livro “Dom Helder – misticismo e santidade”, do jornalista Marcos de Castro (admirador de Dom Helder Câmara), o escritor relata quais eram, segundo o próprio Dom Helder Câmara, as mudanças que o Arcebispo desejava para a Igreja. São 3 sugestões que Dom Helder fizera ao própria Papa Paulo VI, seu amigo de longa data, em uma das muitas conversas particulares que tiveram. A mais chocante de todas, é a terceira sugestão, que transcrevo a seguir:

O que diz Medjugorje? A sua mensagem prova que esta é também uma falsa aparição

221

por Ir. Miguel Dimond e Ir. Pedro Dimond

www.igrejacatolica.pt

“A Nossa Senhora enfatiza sempre que existe um só Deus, e que as pessoas forçaram uma separação não-natural. Uma pessoa não pode verdadeiramente crer, ser um verdadeiro cristão, se não respeitar de igual modo as outras religiões.”1 — “Vidente” Ivanka Ivankovic