NA NOITE SANTA

Na Noite Santa



E chega a noite mais clara que o dia!


Noite de luz que traz a Luz esplêndida e sem ocaso.


Noite mais bela que a aurora.


“No la devemos dormir


la noche sancta.


No la devemos dormir…”



A noite!..



Só a noite viu o Menino descendo,


Através da Virgem inviolada. 


Entrou e saiu por Ela como o sol pela vidraça –


Para deitar-se nas palhinhas frias de um mundo gelado.





“No la devemos dormir



la noche sancta.



No la devemos dormir…”


Oração à Virgem Maria, Porta do Céu






À entrada de mais este ano,
Virgo Maria,
Acompanhai-me.
Dai-me Vossa mão,
Mater amábilis,
Levai-me.
Não permitais que eu peque,
Virgo prudentíssima,
Guiai-me.
Das ofensas ao Vosso amado Filho,
Refúgium peccatórum,
Livrai-me.
Do orgulho que arruína as almas,
Virgo fidélis,
Protegei-me.
Pois Vós bem conheceis,
Oh, Virgo Sancta,
Minha miséria.
E que sozinha,
Auxilium Cristianorum
Nada alcanço.
Que me leva à eterna condenação,
A minha iniqüidade.
Que só traz maldição
A minha maldade.
Por isso Deus, Misericordioso,
Fê-la ‘Porta do Céu’,
Pela qual devo,
Triunfante,
No Paraíso adentrar.
Para o Verbo encarnado
Gloriosamente contemplar.
E contemplando tal prerrogativa,
 Janua Caeli,
Rogo-vos, então, que sejais, já na terra,
Neste tempo,
Neste ano,
E nos vindouros,
Virgo clemens,
Minha Porta,
Por onde devo passar.
De modo que minhas pobres obras,
Domus Áurea,
Possas ornar.
E assim, ao Rei dos Reis,
Regina Caeli,
Docemente,
Agradar.
Ao Padre Marcelo Tenório.
No dia da Mãe de Deus, 01/01/2012,
Alinny Moreira.


MINHA POBRE BATINA






Minha pobre batina, mal cerzida, 
tu vales mais que todos os amores, 
pois, negra embora, enches-me de flores 
e de esperanças imortais a vida.

Com seus sorrisos escarnecedores, 
zomba o mundo de ti, de ti duvida, 
porque não sabe a força que na lida, 
tu me dás, do teu beijo aos resplendores.